6 comentários em “Vôo Livre Comercial no RJ, na mira do MPF

    • Beth.

      Porque os voos duplos com menores e limitado é só na Pedra Bonita, se for a Niteroi voa com qualquer idade e quantas vezes quizer.
      Não foi a ABVL quem proibiu? Afinal de contas é a Associação Brasileira de Voo, porque em outros estados, como Santa Catarina, se faz voo duplo com qualquer idade?

      • Olá Paulo Falcão,

        Em primeiro obrigada pela sua participação. Bem, em relação ao seu comentário acho que você está certissimo no seu questionamento. Se, clubes associados descumprem uma norma da ABVL, eles devem ser no mínimo advertidos pela própria entidade.

        No caso de crianças e adolescentes, mesmo na prática turistica de esportes radicais devemos sempre observar o que orienta o ECA, associações e entidades de esportes de aventura – tais como ABETA. Deve haver um consenso em relação ao tema, bem como fiscalização.

        Particularmente não vejo nada demais crianças a partir dos 12 anos praticarem vôo duplo acompanhados – óbvio – de instrutor. Mas ai caimos em uma outra questão muito mais complicada: a questão do vôo duplo comercial, pois o termo que é assinado em SC refere-se ao “aprendizado de vôo livre” e, nesse caso, menores de 16 anos não podem ser alunos de vôo. Correto? Como justificar que uma criança de 10 anos está aprendendo a voar?

        Agora, em outros picos, outros clubes que não somente àqueles que você citou – depende somente de fiscalização. Então, nesse caso, cabe a vocês, associados da ABVL cobrar que a norma seja para todos.

        Um abraço e muito obrigada pela seu comentário.

  1. Eu vivo de voo duplo de trike a 10 anos….sou instrutor credenciado Abul…É RUIMMMMM DE EU NUM VOAR MAIS COM MEUS CLIENTES….KKKKKKKKK
    Pago meu seguro obrigatório de passageiro RETA 1234 mantenho minha aeronave saudável………nuca tivemos nenhum problema…..nosso nomes e documentos estão registrados na Prefeitura…nossas asas numeradas….ACHO QUE CADA UM DEVE CUIDAR É DA SUA PRÓPRIA VIDA!
    Grande abraço.
    Vinão…..São Paulo
    procure: youtube….vinão, trike, ultraleve……..me encontra fácil

    • Culpa da ANAC que não resolve essas pendengas técnicas ! No Morro do Careca, em B. Camboriu – que visitei recentemente – tem uma placa proibitiva do MP local em relação aos duplos.
      No mergulho, um exemplo, crianças a partir de 10 anos já podem fazer o curso básico. Enfim…tem coisas que não dá para entender. Uns esportes podem, outros não podem.
      Não sou contra os duplos nos esportes aeronauticos – acho eles fantásticos e uma grande oportunidade para turistas. Eu adoro e toda vez que estou em uma cidade eu procuro saber se existe vôo de asa, parapente, ultraleve ou trike ! Essa tua ideia de seguro de vida é bacana e há seguradoras que operam em âmbito turistico. Acho que vale muito a pena os clubes e associações esportivas adorarem.

  2. Boa tarde! É interessante como o parapente é considerado experimental como o ultraleve e asadelta, em vez de ser considerado da mesma categoria do paraquedas, me referindo ao equipamento. Sendo que o paraquedismo não entra nessa limitação com relação ao salto duplo comercial. O parapente ainda tem a atenuante de que existe uma empresa nacional que é referência na produção de parapentes. Já não existe similar nacional quanto produção de paraquedas desportivo. Até porque entende-se como experimental algo que não tem garantias, não segue a um padrão de fabricação ou que não siga critérios internacionais. O que poderia ser feito é fiscalizar as credênciais das pessoas que fazem vôo duplo, verificação dos equipamentos que são usados para o vôo duplo quanto a fabricação, validade, estado,…, , como é feito nas áreas de salto.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s